Gamification

Já pensou em melhorar o desempenho do seu funcionário e ao mesmo tempo engajar seu cliente através do Vídeo Game? ou um jogo para Mobile? ou um jogo de tabuleiro?

Sim! É possível.

Aquele seu Nintendo 64 ou Play 2, evoluíram muito a ponte de influenciar no mundo empresarial.

Hoje a palavra é Engajamento, como tornar sua marca mais atrativa e satisfatória para o cliente, e também trazer muita satisfação para quem veste a camisa da sua empresa.

Concordamos que Vídeo Game ainda soa como puro entretenimento e coisa de criança. Mas essas crianças cresceram, tornaram-se excelentes profissionais, porém todos os efeitos neurais aprendidos jogados ainda estão armazenados, esperando um gatilho.

O Gamification é utilizar os jogos para ensinar de uma outra maneira.

Para alguns é nostalgia e para outros é pura inovação.

Mas, vamos analisar alguns dados?

A Frontiersin elaborou um artigo com o objetivo de “entender a relação entre o uso de Vídeo Games e seus correlatos neurais, levando em conta toda a variedade de fatores cognitivos que eles abrangem. E concluiu que, “foi possível estabelecer uma série de ligações entre os aspectos neurais e cognitivos, particularmente no que diz respeito à atenção, controle cognitivo, habilidades viso espaciais, carga cognitiva e processamento de recompensas.”

Cientificamente falando, os Games irão ajudar sim!

Mas porque isso na minha empresa?

Bom, atualmente funcionários buscam empresas que utilizem seu tempo e dinheiro com eles.

Apoiar um Style Life dos seus parceiros está se tornando revolucionário.

A Ludificação ou Gamification é composta por elementos que prezam por recompensas.

Já parou para analisar que os jogos possuem uma pontuação(score), fases, medalhas e barras de progresso?  Tudo isso é para engajar mais e mais, quem joga.

A ideia é essa, tornar o Game cada vez mais realista e intuitivo, nos fazendo aprender de uma forma muito divertida.

Você acha que vale apena investir nesse mercado? já investiu?

Conte para nós aqui em baixo nos comentários!

Acompanhe nossos posts no Instagram, Facebook e Linkedin.

Texto de Jean Lucas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *